Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Boletim "O Gafanhoto"


VISITAS


Área Reservada


SEGUE-NOS


calendário

Novembro 2019

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2006
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D


Seniores femininas muito perto da vitória no primeiro jogo oficial

por gdgbasquetebol, Quarta-feira, 21.10.15

No primeiro jogo oficial da época, no ano de regresso à I Divisão Nacional, as Seniores femininas do GDG/Esporgel estiveram muito perto de conseguir entrar no campeonato com a “mão direita”. O calendário determinava a deslocação ao Porto, Maia, para defrontar a equipa do Juvemaia que venceu o encontro por 61-58.

«Num jogo muito equilibrado, onde a alternância do marcador foi constante, acabou por prevalecer a maior serenidade, maior rigor táctico e maior concentração, por parte das atletas do Juvemaia, perante a ansiedade do primeiro jogo, a falta de rotinas e as necessárias mudanças de hábitos e atitudes, presente nas atletas do GD Gafanha Basquetebol. Mantendo-se sempre a incerteza quanto ao desfecho final do jogo (no qual o GDG chegou a estar a vencer por oito pontos de diferença), foi a pressão dos segundos finais que ditaram o resultado com o nervosismo da equipa e a falta de coragem para assumirmos os riscos do lançamento final. Houve, no entanto, boas indicações, uma grande entrega por parte da equipa, a noção da verdadeira importância do enquadramento das atletas do protocolo no grupo, e também a certeza que há ainda muito trabalho a ser feito, que levará o seu tempo mas que trará também os seus frutos.» Miguel Araújo, treinador adjunto.

Atletas GDG/Esporgel: Silvana Dias, Maria Vechina, Carolina Marques, Sara Janela, Sara Dias, Ana Quaresma, Rita Mendes, Daniela Jesus, Tânia Costa, Vitalina Pinto, Joana Fernandes e Joana Peixinho.

DSC05934.JPG

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 16:52

Seniores Femininas do GD Gafanha Basquetebol na I Divisão Nacional

por gdgbasquetebol, Quarta-feira, 09.09.15

logo I Divisao feminina.jpg

A equipa Sénior Feminina do Grupo Desportivo da Gafanha Basquetebol vai participar no Campeonato Nacional da I Divisão na época 2015-2016.

Este quadro competitivo antecede a Liga Feminina, escalão máximo da competição feminina da Federação Portuguesa de Basquetebol, sendo uma clara aposta desportiva que trará mais prestígio ao clube, à região, à Associação de Basquetebol de Aveiro, bem como uma maior experiência competitiva às suas atletas. Pesados os riscos e os benefícios, a direcção da secção de Basquetebol do GDG encara este desafio com significativas expectativas, apesar da juventude do seu grupo de trabalho.

A confiança nas capacidades das suas atletas, na experiência e saber da treinadora Joanna Vieira (ex-ADESCU), auxiliada por Miguel Araújo e apoiada pela competência da coordenadora técnica Ana Catarina Neves, foram argumentos suficientes para a direcção do GD Gafanha Basquetebol ter encarado este importante desafio com toda a serenidade e ânimo.

O campeonato nacional da I Divisão feminina terá início a 17 de outubro e será composto por 12 equipas:
Grupo Desportivo da Gafanha (GDG)
Académico FC - Académico Futebol Clube (Porto)
CSM/CS CAB - Club Sport Marítimo (Madeira)
CD Póvoa - Clube Desportivo da Póvoa (Póvoa do Varzim)
ESA - Clube Basquetebol da Escola Secundária da Amadora (Amadora-Lisboa)
Galitos - Clube dos Galitos (Aveiro)
Guifões SC - Guifões Sport Clube (Matosinhos-Porto)
SC Coimbrões - Sport Clube Coimbrões (Coimbrões-Gaia)
SIMECQ - Sociedade Instrução Musical Escolar Cruz-Quebradense (Lisboa)
CPN - Clube Propaganda de Natação (Ermesinde-Valongo-Porto)Juvemaia ACDC - Juvemaia. Associação Cultural Desportiva e Cívica (Maia-Porto)

Na primeira jornada da prova (17/18 outubro) o GD Gafanha Basquetebol defrontará o Juvemaia, na cidade da Maia, sendo o primeiro jogo em casa (2ª jornada) realizado a 24/25 outubro, recebendo o CD Póvoa.

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 14:57

Comunicado Oficial 1/2014-2015: Sub19 e Seniores Femininos

por gdgbasquetebol, Segunda-feira, 23.03.15

25_anos_GDG.jpg

A direcção da Secção de Basquetebol do Grupo Desportivo da Gafanha informa toda a família GDG Basquetebol:

1. Na passada sexta-feira o treinador Hélder Silva tomou a decisão de deixar os quadros técnicos do GDG Basquetebol e a direcção técnica das equipas Sub19 e seniores femininas.

2. A decisão surpreendeu o clube já que o GDG Basquetebol esperava continuar a ter o treinador Hélder Silva no seu grupo de treinadores.

3. Importa relevar o excelente percurso e o trabalho positivo até então desenvolvido:
- o significativo esforço empregue para a construção de um grupo que garantisse a participação nas provas federativas Sub19 e Seniores femininos;- o acolhimento prestado às atletas oriundas de outros clubes e a integração na família GDG Basquetebol;
- a solidez competitiva das Sub19 na prova distrital, garantindo a realização da fase final na Gafanha da Nazaré e o acesso à única vaga disponível para Aveiro no Campeonato Nacional;
- os importantes resultados, seja nas vitórias ou nas derrotas, até à data conseguidos no Campeonato Nacional Sub19 femininos;
- os importantes resultados e o relevante percurso competitivo da Seniores Femininas no Campeonato Nacional da II Divisão feminina.

4. A direcção do GDG Basquetebol lamenta a decisão irreversível do treinador Hélder Silva e expressa, publicamente, o seu agradecimento pelo empenho, capacidade técnica, dedicação, dignidade e lealdade com que se entregou ao clube e desempenhou as suas funções, reconhecendo ainda o valor dos sacrifícios pessoais que daí resultaram.

5. A direcção do GDG Basquetebol irá manter as duas equipas em competição e em trabalho semanal, sendo a sua gestão e orientação, até ao final da presente época, repartida, exclusivamente, pelos treinadores dos quadros técnicos do clube.

6. Ao treinador Hélder Silva, o GDG Basquetebol deseja as maiores felicidades para os presentes e futuros projectos pessoais, profissionais e desportivos, garantindo-lhe sempre o acolhimento neste clube e nesta família.

Gafanha da Nazaré, 23 de março de 2015.

A Direcção da Secção de Basquetebol do Grupo Desportivo da Gafanha

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 10:55

Seniores Femininas dão mais um passo importante

por gdgbasquetebol, Quarta-feira, 18.03.15

Seniores femininos - Boomerang Transportes

As seniores femininas GDG/Boomerang Transportes deram mais um passo importante e decisivo rumo ao objectivo da segunda fase do Campeonato Nacional II Divisão Feminina da FPB.

A deslocação que se afigurava difícil até Vila Nova de Poiares para defrontar a Académica de Coimbra, transformou-se, por mérito e querer próprios, numa expressiva e importante vitória (31-70), não deixando qualquer margem para dúvidas, face ao excelente comportamento comeptitivo da seniores femininas do GDG Basquetebol que controlaram sempre o jogo.

Com este importante resultado as Seniores Femininas GDG/Boomerang Transportes, mesmo dependendo apenas de si mesmas, deram um importante passo para atingirem o objectivo de passarem à segunda fase da prova.

«A três jornadas do final desta fase, esta deslocação era "perigosa" dada a nossa margem de erro ser nula e pelo facto de na 1ª volta, em casa, termos sentido dificuldades em vencer esta equipa, apesar dos 14 pontos de diferença; e porque em Coimbra já houve quem tivesse escorregado. Mas hoje, estivemos irrepreensíveis, grande eficácia no lançamento, intensas a defender, provocando inúmeros turnovers ao adversário, rápidas nas transições e simplesmente quisemos e resolvemos rápido o jogo, não nos colocando a jeito como noutras situações. Parabéns e continuamos a depender de nós para atingir o nosso objectivo proposto no inicio do ano.» (treinador Hélder Silva)

Parciais: 14-24; 05-24; 08-15; 04-07
Marcha: 14-24; 19-48; 27-63; 31-70

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 11:18

Seniores Femininas descarrilam frente ao Lousanense

por gdgbasquetebol, Quarta-feira, 04.03.15

Seniores femininos - Boomerang Transportes

Após a importante e merecida vitória no derbie regional, frente ao Illiabum, apesar de jogarem em casa e de se saber da importância do jogo face aos objectivos traçados, as Seniores Femininas GDG/Boomerang Transportes deitaram muito a perder no quarto período dum jogo, frente ao Lousanense (sábado, 28 de fevereiro), que tinha tudo para ser positivo.

O forte início da segunda parte (3º período com um parcial de 18-09) anulava a desvantagem de 3 pontos verificada ao intervalo e abria perspectivas para uma importante vitória, frente a um adversário directo. Só que no quarto e último período as seniores femininas não foram capazes de manter a serenidade e o controle emocional, conseguido no jogo anterior, e acabaram por oferecer como prenda da Páscoa um jogo que terminaria com um resultado indesejado e inesperado: 61-64.

Há ainda muita coisa em jogo e muito ainda por lutar e trabalhar, infelizmente com mais uma paragem prolongada no campeonato nacional pelo meio.

«Depois de o balão ter enchido na última jornada, voltámos com os dois pés atrás a esvaziá-lo diante um adversário directo. Agora voltamos a depender de muita coisa, com 5 equipas na luta por 3 lugares e em desvantagem com duas delas no confronto directo, e ainda com a agravante de podermos ir com 3 derrotas ou mais para a fase seguinte que a tornarão num mero cumprir calendário... Quanto ao jogo, liderámos o 1º período com vantagens curtas (máximo de 4 pontos); tivemos um mau 2º período em que chegámos a uma desvantagem de 6 pontos mas recuperando no final. Início forte no 3º período em que chegámos aos 7 pontos de vantagem mas faltou sempre algo para esticar a mesma. No último período não tivemos capacidade mental para reagir, e o adversário só aproveitou as prendas de um Natal fora de época com as nossas anti-desportivas e técnicas. Neste período foram só 15 dos 23 pontos contrários de lance-livre... mais, foram 42 lances livres que o Lousanense dispôs contra 23 nossos. Injusto? Talvez, mas a culpa só pode ser nossa porque nos colocámos a jeito.» (treinador Hélder Silva).

Parciais: 15-14; 14-18; 18-09; 14-23
Marcador: 15-14; 29-32; 47-41; 61-64

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 14:22

Seniores Femininas vencem derbie cheio de emoção

por gdgbasquetebol, Terça-feira, 24.02.15

Seniores femininos - Boomerang Transportes

Foi enorme a carga emotiva e a incerteza do marcador final no derbie regional que colocou frente-a-frente, no passado domingo, as Seniores Femininas GDG/Boomerang Transportes e o Illiabum Clube.

O confronto tinha, de facto, tudo para ser mais do que um simples jogo de basquetebol: era um derbie, o resultado implicaria vantagens no confronto directo entre as duas equipas, uma derrota do GDG Basquetebol implicaria um significativo distanciamento no cumprimento do objectivo da Fase II. Por outro lado, um calendário verdadeiramente "anormal" em termos de continuidade e ritmo competitivo, com muitas interrupções e muito tempo de paragem, poderia condicionar o rendimento da equipa.

O equilíbrio nos resultados parciais do jogo, com vantagem para o GDG ao intervalo (17-14; 27-25; 39-42), transmitia a um pavilhão com muito público na bancada uma clara incerteza quanto ao resultado final. Mesmo que, a cerca de 3 minutos da conclusão da partida, uma vantagem 10 pontos para o Illiabum poderia prever um final de jogo mais tranquilo. Pura ilusão. Maior agressividade defensiva, melhor eficácia no ataque e uma maior capacidade em superar a defesa zona imposta pelo Illiabum, garantiu ao GDG Basquetebol recuperar, ultrapassar o adversário no mercador e, a pouco mais de 5 segundos do fim, manter a serenidade suficiente para obrigar o Illiabum a efectuar um lançamento exterior precipitado, garantindo, assim, uma importante e merecida vitória.

Com menos um jogo e menos 1 ponto que o Illiabum Clube e o Sangalhos DC, as Seniores Femininas GDG/Boomerang Transportes têm todas as condições para ultrapassarem estes directos adversários na tabela classificativa (que se defrontam na próxima jornada) e dar um importante passo para a recta final desta fase do Campeonato Nacional, quando restam apenas três jornadas para a sua conclusão.

Próximo jogo das Seniores Femininas GDG/boomerang Transportes: sábado, dia 28, às 18:30 horas, no Pavilhão Municipal da Gafanha da Nazaré.

Parciais: 17-14; 10-11; 12-17; 17-11
Marcha: 17-14; 27-25; 39-42; 56-53

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 10:32

Seniores femininos arrancam segunda volta com vitória importante

por gdgbasquetebol, Quarta-feira, 11.02.15

Seniores femininos - Boomerang TransportesAs Seniores femininas GDG/Boomerang Transportes venceram a estreante formação do Ulmeirense por 41-46.

Sabendo-se que esta seria uma deslocação difícil, quer pelo facto do jogo se realizar em casa do adversário, quer por este ser uma estreia no Campeonato Nacional embora um conjunto recheado de atletas com alguma experiência, era importante que as Seniores Femininas do GDG Basquetebol consolidassem a sua posição num momento importante da prova: o início da segunda volta.

Com esta vitória importante, após demasiado semanas de paragem competitiva, as seniores femininas mantêm-se na luta pelos lugares cimeiros e que garantem a passagem à segunda fase da prova. Com este resultado,  menos um jogo que o 1º e 2º classificados, as Seniores estão no terceiro lugar da prova, tendo ultrapassado o seu adversário directo, precisamente o Ulmeirense.

«Início da 2ª volta após folga, com vitória importante fora que nos mantém no topo e atira adversário fora da luta do apuramento, num campo onde poucos passaram. Início de jogo com alta eficácia 4/4 em triplos mantém jogo nos 15 pontos de diferença até ao intervalo. Reinicio horrível a nível ofensivo com 9 minutos sem marcar pontos, equilibra jogo até aos 5 pontos. No último quarto período ainda o adversário consegue empatar o jogo, mas a alteração para zona nos últimos 5 minutos rende 07-00 com recuperações de bola, domínio da tabela defensiva e transições rápidas.» (treinador Hélder Silva)

Parciais: 06-21; 11-11; 13-03; 11-11
Marcha: 06-21; 17-32; 30-35; 41-46

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 14:45

Seniores femininas passam no "exame" frente à Académica

por gdgbasquetebol, Sexta-feira, 12.12.14

DSC02175.JPGAs seniores femininas GDG/Boomerang Transportes receberam e venceram, por 62-48, as "estudantes" da Académica de Coimbra.

Catorze pontos de diferença foram suficientes para que as Seniores Femininas do GDG Basquetebol demonstrassem que tinham a lição bem estudada e sem medo de qualquer "exame" nesta competição (onde ainda só perderam em casa do Lousanense).

O jogo revestia-se de significativa importância para o GDG Basquetebol. As seniores femininas tinham todo a vontade em regressar, rapidamente, às vitórias após o deslize na Lousã; a Académica contava, igualmente, apenas com uma derrota; a vitória significava vantagem sobre um adversário directo; e era importante, do ponto de vista anímico e emocional, terminar o ano de 2014 invictas em casa.

A ansiedade inicial, o que, como refere o treinador Hélder Silva, já é apanágio da equipa, não desmotivou e condicionou a prestação das atletas seniores que, com o tempo, foram consolidando o jogo e confirmando o resultado final. Esta vitória, com a importância já descrita, tem ainda um especial sabor já que, com a derrota do Illiabum, também, na Lousã, deixa a as Seniores Femininas do GDG Basquetebol em confronto directo com o Lousanense, com o mesmo número de derrotas. Todas as outras equipas somam mais desaires.

«Mais um início do jogo sofrível da nossa parte, em especial no ataque, sem conseguirmos estar tranquilas, apesar da defesa e da estratégia por nós montada ter, em parte, resultado. Depois dos 04-02 iniciais, sofremos 00-09 e 7 pontos de desvantagem, por não termos conseguido interpretar e condicionar movimentos simples do ataque da briosa, essencialmente por não comunicarmos na nossa defesa. Terminámos com 5 pontos para recuperar, no período. O 2º período e depois de equilíbrio inicial (02-04), efectuámos um parcial de 12-01 e a vencer por 6 pontos de diferença a equipa começava a impor-se no jogo. Mas uma serie de decisões controversas e uma injustificável falta de discernimento resulta num parcial de 00-06 e nova vantagem para a Académica. Apesar de terminarmos por cima com 07-01, os 4 pontos ao intervalo premiavam as Academistas pela sua dedicação ao jogo. O intervalo chegou e, acima de tudo, serviu para corrigir erros, a equipa falar e delinearmos qual seria a forma mais adequada de actuarmos. A motivação injectada no grupo resultou numa entrada demolidora na segunda parte, com parcial de 15-01 e 18 pontos de vantagem; a equipa sentia o jogo ganho, estávamos a jogar bem e com todas as nossas opções ao nível de atletas disponíveis. Apesar da reacção de 02-07, os 13 pontos no final do 3º período conferiam à nossa equipa outra tranquilidade para os últimos 10 minutos. No último período, o equilíbrio foi constante, nunca deixámos a briosa aproximar-se, mantivemos sempre o jogo controlado na ordem dos 16 pontos. No final, com uma rotação utilizando 11 atletas nossas, neste período, os 10 pontos eram suficientes para o tempo que restava e ainda conseguimos jogar bem com o relógio, obrigando a faltas constantes contrárias, num dia em que não trememos da linha de lance livre (32/22 - 69%).
Vitória justa, em que fomos crescendo ao longo do jogo, nunca desesperando. Enaltecer o empenho da equipa adversária, pelas dificuldades que nos colocou. Agradecer às atletas o que hoje fizeram já que esta vitória é inteiramente delas, numa semana difícil: conseguirem interpretar bem, em jogo, tudo o que lhes foi pedido pelos treinadores, tornando, com sentido de unidade, tudo mais simples. Agora só regressamos em 11 de Janeiro na recepção ao Sangalhos e queremos iniciar 2015 como acabámos 2014». (treinador Hélder Silva).

O treinador Hélder Silva terminava a análise a este jogo ainda com outro desejo: "aproveitar a ocasião para este grupo desejar umas Boas Festas e Feliz Ano Novo a toda a Família do GDG Basquetebol e a todos os que lerem esta crónica".

Acrescentamos nós: e também a todo os que não lerem esta crónica. O Natal fica para todos.

Parciais: 06-11; 21-12; 17-08; 18-17
Marcha: 06-11; 27-23; 44-31; 62-48
GDG/Boomerang Transportes: Carolina Marques (7); Bárbara Lóio (2); Carolina Casqueira; Maria Vechina; Joana Peixinho (2); Joana Fernandes (18); Vitalina Pinto (8); Rafaela Reis (3); Andreia Peixoto (4); Silvana Dias (16); Maria Sousa e Bruna França (2).

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 15:16

Seniores femininas "congelam" vitórias na Lousã

por gdgbasquetebol, Quinta-feira, 04.12.14

IMG_7960.JPGO frio que se fez sentir, no passado sábado, na Lousã, foi suficientemente forte para "congelar" a série de vitórias que marcou o arranque das seniores femininas GDG/Boomerang Transportes no Campeonato Nacional da II Divisão.

Estando isentas na primeira jornada, a estreia no campeonato nacional ficou marcada, na segunda jornada, com a recepção ao estreante Ulmeirense, resultando numa vitória por 63-47. Na terceira jornada, segundo jogo, nova vitória desta vez no derbie local, frente ao Illiabum, com outro resultado positivo (43-55).

A calendarização da prova ditou, na quarta jornada, uma deslocação até ao Pavilhão da Lousã para defrontar um Lousanense renovado, com mais experiência competitiva. A este dado acresceu o frio e o desgaste físico de algumas atletas (Sub19) que tinham terminado um exigente jogo, frente ao ADESCU Vagos, com pouco mais de duas horas de intervalo.

Todas estas condicionantes, já esperadas, embora não desejáveis, acabaram por condicionar a prestação da equipa e o resultado final que confirmou a vitória do Lousanense por 60-52. Apesar da primeira derrota, fica o registo da excelente atitude e esforço demonstrado pelas Seniores femininas neste encontro, nem sempre bem disputado, mas esforçado e emotivo até ao final.

«Este jogo tinha características especiais pois havia diversos factores que o tornavam num desafio difícil e duro: a qualidade do adversário bem diferente dos últimos anos, com reforços de qualidade e experientes em campeonatos superiores; o facto de termos meia equipa sem período de recuperação e que ás 18h00 tinha terminado um jogo difícil; e o frio se fazia notar fortemente àquela hora do jogo.
O inicio foi penoso, já que não entrámos intensas e a capacidade física e frescura das adversárias fez toda a diferença: um parcial de 01-08 colocava a equipa a ter de correr atrás da diferença. Nada disso aconteceu e até final não tivemos, nem por um momento, capacidade para reagir e os 11 pontos de diferença eram justos pela nossa incapacidade de pontuar. O 2º período manteve esta toada, em que, defensivamente, não fomos capazes de parar as penetrações e espaços interiores do Lousanense e num ápice sofremos 18 pontos de desvantagem, num período com 17 faltas. Fomos para o intervalo com 16 pontos de desvantagem. Foi apelado à equipa para que desse uma imagem diferente na 2ª parte e que tudo o que ganhássemos era lucro; era importante corrigir as más posturas defensivas dos primeiros 20 minutos, bem como ser mais assertivas no ataque. Ainda começámos a facilitar, permitindo 21 pontos de vantagem (máxima diferença negativa). A partir deste momento começámos a crescer. Fizemos 11-04 e bem perto do final do terceiro período reduzimos para uma desvantagem de 12 pontos (33-45). Tivemos imensas oportunidades de baixar esta fasquia, mas havia sempre algo que falhava. Mesmo assim, com o jogo relançado no último período abrimos com 06-00 e em poucos minutos tínhamos recuperado 13 pontos e com o jogo colocada a diferença do marcador em 8 pontos. Crescia a motivação e o acreditar num resultado positivo. A um minuto e meio do final do encontro, através de um triplo, reduzimos para 4 pontos. Mas... foi o máximo que conseguimos fazer. Já nos segundos finais do encontro, com uma falta defensiva e lances livres para as adversárias o jogo acabou por registar os 8 pontos finais de diferença (60-52).
Jogo duro e difícil, não foi fácil adaptar a equipa ao jogo físico contrário, num jogo com 59 faltas e 87 lances livres em que o ritmo jogo foi nulo, pois a determinado momento era mais o tempo que o mesmo estava parado nestas longas 2h45minutos. No entanto temos que realçar os aspectos positivos: mesmo a 21 pontos a equipa acreditou e não fosse a ansiedade e alguma falta de discernimento (que resultou em 2 faltas técnicas, 20 lances livres falhados e 18/2 em triplos) teríamos, certamente, vencido. Mas temos de enaltecer a justeza da vitória contrária pela forma como soube aproveitar as nossa debilidades do momento. Parabéns a todas as que participaram, pela superação física que efectuaram neste sábado duro. (treinador Hélder Silva).»

Parciais: 16-05; 18-13; 13-15; 13-19
Marcha: 16-05; 34-18; 47-33; 60-52

GDG/Boomerang Transportes: Carolina Marques (7); Bárbara Lóio (2); Carolina Casqueira; Tânia Costa; Maria Vechina (2); Joana Peixinho (3); Joana Fernandes (10); Vitalina Pinto (4); Rafaela Reis (3); Silvana Dias (20); Maria Sousa (1) e Andreia Peixoto.

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 16:09

Seniores femininas vencem dérbie frente ao Illiabum

por gdgbasquetebol, Quarta-feira, 19.11.14

IMG_7960.JPGEra com alguma expectativa que se aguardava pelo dérbie local que colocava frente-a-frente as Seniores femininas GDG/Boomerang Transportes e o Illiabum. Não só pelo facto de se tratar deum dérbie sempre emotivo, pelo facto do GDG Basquetebol se deslocar a Ílhavo, mas também pelo facto de se defrontarem as duas equipas até à data invictas no Campeonato Nacional da II Divisão - grupo norte B.

O Illiabum, por força da calendarização, tinha já dois jogos disputados e uma eventual vitória frente ao rival GDG Basquetebol resultaria nalgum distanciamento na classificação e alento para o resto da competição.

No entanto, as seniores femininas do GDG Basquetebol, mesmo só com um jogo oficial (após vários meses sem competição) disputado neste campeonato, não quiseram deixar de se afirmarem como uma das principais equipas da prova, fazendo valer todo o seu conjunto, qualidade e argumentos, derrotando a formação de Ílhavo (com duas atletas formadas no GDG Basquetebol) por 43-55. Desta forma as seniore femininas mantêm-se invictas na prova, com dois jogos disputados e duas vitórias conquistadas.

«Neste Domingo, tivemos a primeira deslocação e logo para um dérbi local. Foi com muito agrado que muita gente se deslocou ao pavilhão de Ílhavo para apoiar ambas as equipas.
Contra um candidato ao apuramento, este jogo era importante não só como consequência da vitória da semana passada, mas para critérios de desempate futuros, por ser fora de portas e para nos colocarmos no topo desta II Divisão. Sabíamos os pontos fortes do Illiabum e procurámos a melhor estratégia para este jogo, que foi respondido de forma muito positiva pelas atletas. Após um início com ascendente curto do Illiabum (na frente por 00-04; 05-09 e 08-11) conseguimos estabilizar e passar definitivamente para a frente com um parcial de 11-00. Desde este momento nunca mais estivemos atrás no resultado e conseguimos gerir o jogo. Terminámos assim este período com 8 pontos de vantagem. O 2º período foi muito fraco ofensivamente, ambas as defesas anulavam os respectivos ataques contrários, mesmo assim, fazemos parcial de 05-02 (10 pontos à maior), a que o Illiabum responde com 02-06. Ao intervalo registávamos uma suprioridade no marcador de 7 pontos de diferença (19-26). A forma como entraríamos no 3º período seria fundamental; tinha de ser o nosso momento e teríamos de controlar a reacção contrária. Tudo equilibrado no reinício mas na recta final do período sentenciámos o jogo com um parcial de 06-00 e colocámo-nos em vantagem no marcador com um diferencial de 14 pontos. No último período, no qual jogaram 9 atletas, todas responderam com pontos os seus momentos no jogo, nenhuma equipa conseguiu mais de 4 pontos consecutivos, com o resultado a estar sempre entre os 17 pontos de vantagem e os 12 finais. Excelente vitória, motivadora para o futuro e uma resposta de qualidade da equipa que está a crescer semana a semana. De salientar, a estreia oficial de mais duas atletas Sub-19, a juntar às três da semana passada. Num grupo que, no jogo, evoluiu com 7 atletas da equipa de Sub-19, quero deixar o meu obrigado e reconhecimento às atletas de idade sénior que, tanto no treino, como no jogo, conferem não só qualidade mas a serenidade necessária para o enquadramento das mais novas no campeonato, em especial naqueles momentos do jogo em que a experiência tem de prevalecer sobre a irreverência. Agora, continuar a trabalhar forte nestes 15 dias de pausa até ao próximo jogo, com a difícil deslocação à Lousã, contra o Lousanense a 29 de Novembro.» Treinador Hélder Silva.

Parciais: 11-19; 08-07; 08-15; 16-14
Marcha: 11-19; 19-26; 27-41; 43-55

GDG Basquetebol: Carolina Marques (18); Bárbara Lóio; Carolina Casqueira (2); Tânia Costa (10); Maria Vechina (6); Joana Peixinho; Joana Fernandes (5); Ana Costa (3); Vitalina Pinto (2); Andreia Peixoto (2); Silvana Dias (7) e Bruna França.

O destaque no Diário de Aveiro, edição de terça-feira, 18 de novembro.

da27 - 18-11-2014 - seniores fem vs illiabum.png

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 15:07

Seniores femininas iniciam nacional com vitória.

por gdgbasquetebol, Terça-feira, 11.11.14

IMG_7960.JPGAs seniores femininas GDG/Boomerang Transportes iniciaram, no domingo, a sua participação no Campeonato Nacional da II Divisão, da Federação Portuguesa de Basquetebol.

Neste primeiro jogo oficial, na segunda jornada da prova, receberam a estreante equipa do GD Ulmeirense, da Granja do Ulmeiro, freguesia do Município de Soure (Coimbra).

A equipa era já conhecida da formação orientada pelo Hélder Silva, já que, em setembro, foi convidada a participar na apresentação oficial das seniores do Ulmeirense.

Tal como em setembro, as Seniores femininas do GDG Basquetebol venceram o encontro, desta vez por uma diferença pontual de 16 pontos (GDG/Boomerang Transportes 63 - GD Ulmeirense 47).

Isentas da primeira jornada (pelo facto do número de equipas, neste grupo, ser ímpar), era com significativa expectativa e natural ansiedade que as Seniores femininas encaravam este primeiro jogo, após dois meses e meio de treinos sem competição.

A análise ao jogo feita pelo treinador Hélder Silva

«Neste Domingo, recebemos o Ulmeirense na estreia da nossa equipa no Nacional da II Divisão, finalmente competimos ao fim de 10 semanas de treino. Logo…muita ansiedade. O adversário tinha tido uma derrota apertada na estreia em casa com o Illiabum. Já tínhamos defrontado esta equipa na sua apresentação, há cerca de um mês, e sabíamos bem o que nos esperava, em especial a enorme diferença física e a luta nas tabelas. Só jogando rápido, com eficácia nos lançamentos e com as melhores opções ofensivas, bem como ser corajosas na defesa, nos levaria ao sucesso. Após um início com 02-04, única vez que estivemos a perder no jogo, concretizámos um parcial de 06-00 no final e 6 pontos de vantagem, num período lento nas decisões e pouca eficácia de ambas as equipas, em que tivemos mérito nos poucos pontos sofridos. No 2º período, após 07-04 e 9 pontos de vantagem, iniciámos a rotação da equipa mas sofremos 04-07. A pouca eficácia em situações de vantagem com lançamentos curtos fáceis e perdas de bola sem intervenção directa do adversário nas transições ofensivas, castigou-nos com uma curta vantagem de 6 pontos ao intervalo. No reinício, alertadas para o que tinha de ser alterado, tudo foi diferente. Ainda sofremos de entrada um triplo (fixando o marcador em apenas 3 pontos de diferença) mas com parcial de 13-00 atingimos os 16 pontos e ficou aqui resolvido o jogo. Bom jogo da nossa parte, em que jogámos com 6 atletas sub19, conquistando a primeira vitória e iniciando a nossa caminhada com objectivos bem definidos. Face aos resultados das duas primeiras jornadas, já estamos no 2º lugar e é por aqui que queremos andar. Esta será uma equipa que honrará o passado de todas as equipas seniores femininas do clube, respeitará o presente pelo trabalho que já fizeram e farão semanalmente e ambiciosa, no futuro, a luta pela conquista de todos os jogos e competições onde entrar.»

Parciais: 12-06; 11-11; 18-13; 22-17
Marcha do marcador: 12-06; 23-17; 41-30; 63-47
GDG/Boomerang Transportes: Carolina Marques (6); Bárbara Lóio (7); Carolina Casqueira; Tânia Costa (2); Maria Vechina (3); Joana Peixinho (7); Joana Fernandes (16); Ana Costa (4); Vitalina Pinto (12); Rafaela Reis (4) e Maria Sousa (2).

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 13:53

Análise ao Torneio Municipal Valongo - Hélder Silva em discurso directo

por gdgbasquetebol, Quarta-feira, 17.09.14

O treinador Hélder Silva, responsável técnico pelas Sub19 e Seniores femininas do GDG Basquetebol, analisa, em discurso directo, a participação do GDG Basquetebol no III Torneio Municipal de Valongo, que teve lugar no passado fim-de-semana 13 e 14 de setembro. A juntar à vitória do Torneio pelas Sub19 femininas acresce a vitória das Seniores no jogo de apresentação da equipa sénior feminina do NCR Valongo.

One team one dream
III Torneio Municipal de Valongo – Jogo 1: G.D. Gafanha 38 – NCR Valongo 23
Neste Sábado [dia 13 de setembro] iniciámos a competição com a participação no III Torneio Municipal de Valongo.
Comparecemos com 16 atletas (faltou a Diana Faria por doença) e o intuito era colocar à prova a exigente pré-época com 16 treinos em 3 semanas e um estágio. Iniciámos este torneio contra a equipa da casa, 4º classificado da AB Porto e finalista da Taça Nacional, pelo que seria, à partida, um teste exigente. Optámos por formar, na maior parte do jogo, grupos de 4 e 5 atletas, com substituições de 5 em 5 minutos sem colocar em causa o sucesso desportivo do jogo, que seria de 4 partes de 10 minutos corridos.
Inicio nervoso, com vantagem da equipa da casa até aos 04-09 e terminámos com 1 ponto de desvantagem nesse período. A nossa capacidade técnica, física e velocidade nas transições começaram a aparecer no 2º período com um parcial de 13-00 e fomos para intervalo a vencer por 11 pontos. No 3º período tivemos menos bem ofensivamente, mas cumprimos a 100% na defesa, não sofrendo pontos e passando para 15 pontos no final do período. Com 07-02 no inicio do 4º período e 20 pontos de vantagem, fomos gerindo o jogo e dando tempo de jogo às menos utilizadas, acabando por vencer por 15 pontos.
Vitória inequívoca e tranquila, com excelente gestão na forma de jogar e com grande contributo de todas.
Final a disputar com o CLIP e e com o querer começar a época com a primeira vitória, vencendo este torneio.
III Torneio Municipal de Valongo – Jogo 2: G.D. Gafanha 57 – CLIP 37
Neste domingo, realizámos a final do triangular deste Torneio com a voluntariosa equipa do CLIP orientada pelo experiente treinador Marco Rodrigues.
Com margem para gerir o jogo da melhor forma, com vista à conquista do troféu, o objectivo passava por resolver o mesmo o mais rápido possível para dar tempo de jogo a todas as atletas presentes. Com um inicio de 08-02, colocámos logo uma diferença que se tornou decisiva até aos 7 pontos de vantagem no período. Com um 2º período mais equilibrado, a equipa manteve a serenidade, sem forçar muito e ganhando o período, foi para intervalo com 10 pontos à maior. No reinício, ao sofrer um parcial de 02-08 e com 30-26, a equipa reagiu e acelerou o jogo jogando com critério e com rápidas transições e com parcial de 11-03, terminando o período com 12 pontos vantagem. Na parte final do jogo veio ao de cima a nossa capacidade e frescura física, e com um parcial de 14-01 resolvemos definitivamente o jogo e o torneio.
De destacar a elevada eficácia de lançamentos de campo com 68% (34/23) e lances livres 64% (14/9).
Vitória no torneio e boa forma de começar a época. Parabéns a todas pela disponibilidade e aos pais pela ajuda na organização das viagens. Agora preparar o próximo torneio e continuar a crescer.

Por último, ainda tempo para a análise ao jogo de apresentação das seniores femininas do NCR Valongo.
III Torneio Municipal de Valongo – Apresentação NCRV: G.D. Gafanha 30 – NCR Valongo 25
Neste domingo, a nossa equipa sénior feminina realizou o seu primeiro jogo na apresentação da equipa com direito a troféu em formato de jogo único.
Estivemos presentes com 14 atletas, das quais 7 com idade de Sub-19.
Ansiedade natural e com volumes de treino díspares, a intenção passava por começar a definir a nossa forma de jogar em competição e começar a definir o nosso ADN defensivo.
Início forte da equipa, excelente eficácia no tiro exterior, com 3 “bombas” consecutivas e parcial de 12-05 começámos a ter margem para conduzir o jogo como queríamos. Num 2º período de fraca eficácia ofensiva, compensámos com 10 minutos defensivos, nos quais não sofremos um único cesto de campo e indo para intervalo com 8 pontos de vantagem. No reinício, assistimos às defesas a suplantarem os ataques e a equipa a gerir o jogo entre os 13 e 9 pontos de vantagem. Reacção contrária de uma equipa que nunca desistiu e com parcial de 02-06 relança o jogo, novo tiro longo e a 2 minutos ficamos com 9 pontos de vantagem. Apesar do susto final, com parcial negativo de 00-06, soubemos nos segundos que faltavam gerir o jogo e vencer este nosso 1º jogo da época.
Jogo de fraca eficácia ofensiva e de aflição, tão desnecessária, com previsíveis erros cometidos. De realçar a excelente atitude defensiva, de garra e de luta, estendida pelo campo todo, nunca virando as costas a uma bola perdida, irá certamente ser esta a nossa imagem de marca.
Agora preparar a nossa apresentação, num duelo mais exigente com uma equipa de uma divisão superior à nossa, aumentando substancialmente o grau de exigência.
Parabéns equipa pela vitória e vontade que demonstraram em estar juntas, nesta nossa jovem equipa.

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 10:45

Equipas femininas do GDG Basquetebol testam estágio em três Torneios

por gdgbasquetebol, Terça-feira, 09.09.14

As equipas Sub19, Sub16 e Sub 14 femininas vão participar em três torneios que terão lugar neste fim-de-semana de 13 e 14 de setembro, em Valongo, Cantanhede e Guifões, respectivamente.

A participação nestes torneios de abertura de época, para além do reconhecimento do valor da formação e competição do GDG Basquetebol, no caso das equipas femininas do clube, tem a particularidade de testar o impacto e os resultados físicos, técnicos e tácticos, do estágio de pré-época que estes escalões e respectivas atletas realizaram na passada semana em Pampilhosa da Serra, conforme noticiámos.

As Sub 19 femininas irão participar no III Torneio "Município de Valongo", organizado pelo NCR Valongo. No sábado defrontam a equipa anfitriã, o NCR Valongo, pelas 17.00 horas, e no domingo terá lugar, pelas 15.00 horas, o confronto entre o GDG Basquetebol e o Colégio Luso-Internacional do Porto (CLIP). Além disso, as seniores femininas do GDG Basquetebol foram ainda convidadas para o jogo oficial de apresentação da equipa sénior feminina do NCR Valongo, que se realizará no domingo, pelas 18.00 horas. Este torneio do NCR Valongo insere-se no ponto alto do início da época deste clube da região do Porto, estando prevista para as 21.00 horas o momento mais relevante que é a apresentação de todas as equipas do clube de Valongo.

As Sub 16 femininas do GDG Basquetebol têm a sua estreia agendada para o I Torneio Prof. Diogo Amoroso Lopes, em Cantanhede. O torneio, para este escalão, disputa-se apenas num dia. Assim, no sábado o GDG Basquetebol defrontará a equipa do Sporting Figueirense, às 11.30 horas. A tarde está reservada para os jogos de atribuição do 3º e 4º lugares e a final, agendados para as 15.30 e 17.30, respectivamente.

Por último, as azulinhas mais novas, as Sub14 femininas, irão apresentar-se no V Torneio Ibérico do Guifões Sport Clube. Este clube de Matosinhos, já com 83 anos de existência e com a recente experiência de organização do Campeonato da Europa de Sub18 femininos, lança mais este evento com uma dimensão significativa, ao qual o GDG Basquetebol prestará a devida qualidade e garante de sucesso. No grupo inicial da competição desta prova, o GDG Basquetebol está colocado no Grupo II juntamente com as equipas Sub 14 femininas do AD Cortegada e da AD Ovarense.

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 15:19

Feminino do GDG Basquetebol prepara época na Pampilhosa da Serra

por gdgbasquetebol, Sábado, 23.08.14

Entre os dias 31 de agosto e 6 de setembro, as Sub14, Sub16, Sub19 e as Seniores femininas do GDG Basquetebol vão intensificar a sua preparação para a época 2014-2015 na Pampilhosa da Serra.

Após o reinício dos treinos, agendado para o dia 25 de agosto, a Pampilhosa da Serra foi o local escolhido pela coordenação técnica e pelo treinador das Sub19/Seniores Femininos do GDG Basquetebol, Hélder Silva, para culminar e intensificar o trabalho técnico, físico e táctico dos escalões do sector feminino do clube.

Fruto do excelente acolhimento demonstrado pela Câmara Municipal da Pampilhosa da Serra e após estabelecida uma parceria entre o GDG Basquetebol e o Município, 31 atletas dos escalões de formação e competição do sector feminino do clube, às quais se juntam dois treinadores e um director, vão usufruir das excelentes e ímpares condições do complexo desportivo municipal de Pampilhosa da Serra para desenvolveram condições de trabalho com vista a uma melhor preparação da época que agora se inicia. São três campos num pavilhão moderno, ginásio e salas para treino físico totalmente equipadas, para além de camaratas modernas e outros espaços como auditório e biblioteca, bem como a envolvente ambiental extraordinária e a praia fluvial que servirão de apoio nos tempos livres. A certeza de uma mais-valia para a promoção da concentração necessária para o desenvolvimento do trabalho a desenvolver nesta fase preparatória.

Para o treinador Hélder Silva "este estágio terá como componente principal reunir num espaço único todas as atletas femininas e conferir uma uniformização da metodologia de treino transversal a todos os escalões. Os objectivos serão a criação de um espírito de grupo, não só dentro das próprias equipas, como entre elas; a integração das atletas que virão de outros clubes, dando-lhes a conhecer o que é fazer parte da família GDG Basquetebol. Poderemos trabalhar de outra forma a componente física, técnica e táctica. Será um momento importante para em cada grupo ficar definido e selar o compromisso dos objectivos competitivos de cada escalão para 2014/15".

Questionado sobre os impactos que esta iniciativa pode ter no resto da época, Hélder Silva adiantou prontamente que "certamente, no médio prazo teremos frutos deste momento de início de época. O conhecimento mútuo das atletas, as vertentes físicas, técnicas e tácticas irão ser mais rapidamente absorvidas. Essencialmente queremos com estes dias, criar grupos fortes, mentalmente capazes de lidar com a pressão e lutando sempre por cada momento do jogo. Competitividade e compromisso para com o trabalho serão certamente imagens de marca que ficarão desta semana".

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 19:23

Hélder Silva é treinador das Sub19 e Seniores Femininas do GDG Basquetebol

por gdgbasquetebol, Terça-feira, 12.08.14

O GDG Basquetebol mantém a aposta no projecto conjunto Sub19 e Seniores Femininos que terá, na época 2014-2015, o treinador Hélder Silva no comando técnico dos dois escalões.

O valor, o saber e as capacidades de Hélder Silva pesaram na escolha do GDG Basquetebol para a responsabilidade técnica de um dos projectos mais desafiantes do clube: a participação das atletas Sub19 e Seniores femininas num projecto comum, único, com participação nas diferentes provas competitivas (distrital e nacional no caso das Sub19, nacional da II Divisão no caso das seniores).
Hélder Silva, treinador de nível II, sustenta a sua experiência de várias décadas ao serviço da modalidade numa carreira desportiva que passou, enquanto atleta, pelo Benfica e pelo Atlético; pela gestão desportiva no Beira Mar e no Vagos; e pela actividade de treinador no Beira Mar, no Vagos, no Galitos e NCR Valongo.
Neste sentido, o GDG Basquetebol tem total confiança na capacidade de trabalho, organização e dedicação do treinador Hélder Silva, depositando assim fortes esperanças na consolidação do sector feminino no clube.

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 15:53

Sub 19 Femininos do GDG Basquetebol no Torneio de Vagos

por gdgbasquetebol, Terça-feira, 01.07.14
A equipa Sub19 Femininos do Grupo Desportivo da Gafanha Basquetebol vai participar no Torneio de Encerramento, em Vagos, nos dias 2 e 3 de julho.
Este torneio conta com a participação do Vagos (equipa anfitriã), do Grupo Desportivo da Gafanha Basquetebol, da selecção nacional d Sub 16 Femininos e do Académico do Porto.
Os jogos realizam-se às 19:00 e às 21:00 horas (nos dias 2 e 3 de julho - quarta e quinta-feira), com a equipa Sub19 feminina do GDG Basquetebol a defrontar o Académico do Porto, no dia 2 de julho, às 21:00 horas.
Será, garantidamente, uma excelente oportunidade para as Sub 19 mostrarem o seu valor, o trabalho já realizado, a vontade e o querer, bem como o orgulho de serem GDG.
Para além disso, é importante o apoio do público. Elas contam com a nossa presença em Vagos.
Juntos somos mais fortes.

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 10:39

Camp. Nacional 2ª divisão Sangalhos 44 X GDG 41

por gdgbasquetebol, Terça-feira, 18.02.14


No sábado, dia 15 de fevereiro, deslocámo-nos a Sangalhos para disputar o segundo lugar na classificação final da fase regular. Esta viagem proporcionava-nos a possibilidade de obter mais uma vitória, para a segunda fase da competição, mantendo assim a esperança na luta pela subida.

Foi com essa expectativa que entrámos no jogo, conseguimos “controlá-lo” tendo, na maior parte da primeira parte, vantagem no marcador, chegando ao intervalo a ganhar por 1 ponto.

Na segunda parte, mostrámo-nos menos concentrados defensivamente, permitindo mais ressaltos ofensivos à equipa do Sangalhos e consequentes segundos ataques. Aliado a isso, mostrámos mais dificuldades nas movimentações ofensivas, com a agravante do ambiente de contestação que se fez sentir nas bancadas tornando o jogo mais nervoso e ansioso incitando o aumento de erros, da nossa parte.

Apesar de termos testemunhado uma arbitragem funesta, não podemos dissimular ou justificar os nossos erros com os erros dos outros. Entendemos que o caminho a seguir para criar as condições necessárias à subida de divisão passe pelo árduo trabalho a cumprir em cada treino e, por conseguinte, pelo desempenho em situação de jogo.

Fica a derrota por 3 pontos (44-41), como desfecho final do jogo, e a plena noção que erigimos mais uma barreira no nosso percurso. 


Autoria e outros dados (tags, etc)

às 17:11

TOP PRESENÇAS NOVEMBRO 2013

por gdgbasquetebol, Quinta-feira, 12.12.13
«De pequenino é que se  torce o pepino !!!» 
Parabéns Maria e Maria C., pela assiduidade em todos os treinos!





Autoria e outros dados (tags, etc)

às 16:16

Seniores Femininos Galitos 59 x GDG 43

por gdgbasquetebol, Quarta-feira, 30.10.13
o passado sábado, dia 26, a equipa sénior feminina deslocou-se ao pavilhão do Galitos para o 1º dos muitos derbi
es que vamos realizar esta época já se sabia de início que não iria ser fácil. Uma equipa que não era de todo desconhecida, onde se esperava equilíbrio, e onde o nível de concentração e eficácia a todos os níveis era necessário. Sendo que com uma semana um pouco atípica , não baixamos os braços ao jogo que tínhamos pela frente.
Não começamos da melhor maneira, estando sempre atrás no marcador, onde a eficácia tanto no ataque como na defesa não foi a melhor, permitindo desta forma bastantes contra-ataques por parte da equipa do Galitos, chegando assim ao intervalo com uma desvantagem de 8 pontos. 20-28 
Na segunda parte o terceiro período foi derradeiro, entrámos desconcentradas, pouco pressionantes na defesa, e sem eficácia no ataque onde marcamos apenas 6 pontos, o que permitiu a equipa adversária realizar inúmeros lançamentos fáceis com eficácia permitindo desta forma que o Galitos marcasse 21 pontos.
Um jogo que fica marcado pela fraca eficácia tanto no ataque como na defesa, permitindo desta forma a vitória do Galitos.
Apenas temos de levantar a cabeça, e continuar a trabalhar cada vez mais.
Parciais : 18-09; 10-11; 21-06; 10-17
Resultado final: Galitos 59-43 Gafanha 
 
Obrigada a todos que responderam afirmativamente ao nosso apelo de apoio e se deslocaram ao pavilhão do Galitos para nos apoiar!
Na vitória ou na derrota, JUNTOS SOMOS MAIS FORTES!
 
 
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 16:43

JUNTOS SOMOS MAIS FORTES

por gdgbasquetebol, Sexta-feira, 25.10.13

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 19:03


SUCESSO - X Torneio Internacional e VI Torneio Carnaval


SlideShow - PATROCINADORES


EQUIPAS 2017/18


TREINADORES 2017-2018

COORDENAÇÃO

Coordenação Geral

Minibasquete

MASCULINO

Seniores

Sub 18

Sub 16

Sub 14

FEMININO

Seniores

Sub 19

Sub 16

Sub 14

INICIAÇÃO - MINIS

Sub 13 - iniciação

Minibasquete