Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Boletim "O Gafanhoto"


VISITAS


Área Reservada


SEGUE-NOS


calendário

Janeiro 2019

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2009
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2008
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2007
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2006
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D


Sub 16 masculinos GDG x Beira Mar com direito a Cartão Branco

por gdgbasquetebol, Sexta-feira, 09.12.16

cartao branco.aspx

No final do jogo a contar para o Campeonato Distrital Sub 16 masculinos (grupo nacional) entre o GDG/Óptica Branco e o Beira Mar (66-79) a equipa de arbitragem, Bruno Sá e André Braga, mostrou um Cartão Branco ao público presente no Pavilhão Desportivo da Gafanha da Nazaré.

É, não querendo cometer nenhum lapso de memória ou registo, a primeira vez que tal acontece, pelo menos, em jogos dos quadros competitivos da Associação de Basquetebol de Aveiro (e quase que arriscávamos a dizê-lo que foi um acto inédito no basquetebol nacional).

O Cartão Branco / Fair Play visa reconhecer, destacar e recompensar as atitudes e comportamentos eticamente relevantes por atletas, treinadores, dirigentes e outros agentes directamente envolvidos no jogo e também pelos espectadores. Trata-se de um cartão pedagógico.

A amostragem do Cartão Branco (que já aqui fizemos referência quanto à sua existência: ver... O Basquetebol também já mostra cartões... positivos.) deveu-se ao reconhecimento pela excelente postura de fair play e de convivência ética e social que o público e as duas claques (do Grupo Desportivo da Gafanha e do Sport Clube Beira Mar) tiveram durante todo o jogo.

É, por esse facto, motivo de regozijo e satisfação para o GDG Basquetebol (e acreditamos que igualmente para o Beira Mar - Basquetebol) principalmente porque contradiz e destrói o estigma que de tempos a tempos recai sobre o clube quanto ao comportamento dos seus atletas, treinadores, directores e, concretamente, adeptos. Esta é uma prova concreta e objectiva que espelha a capacidade do GDG Basquetebol para acolher, para receber, para respeitar quem nos visita e onde nos deslocamos. Por mais que nos tentem denegrir, por mais posições oficiais que pretendam emitir, esta é a nossa realidade: Ser GDG é ser Único.

Respeitem-nos (atletas, treinadores, dirigentes, órgãos associativos e federativos... público) e garantidamente serão respeitados. O contrário só merecerá o nosso despeito e indiferença.

Uma palavra de reconhecimento pela atitude e decisão inéditas da equipa de arbitragem (Bruno Sá e André Braga) bem como pelo comportamento do público (do GDG e do Beira Mar) que marcou presença nos dois jogos que se realizaram ontem (Sub18 e Sub16 masculinos) no Pavilhão Desportivo da Gafanha da Nazaré.

O momento foi registado pela Gafanha TV e que aqui republicamos.

No seguimento, aproveitamos para reproduzir os vídeos integrais da transmissão em directo, via web, dos jogos de ontem Sub 18 masculinos (GDG/Óptica Branco x Beira Mar - 67-88) e Sub16 masculinos (GDG/Óptica Branco x Beira Mar - 66-79).

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 15:05

GDG Basquetebol estreia concentração de Minibasquete na Gafanha da Nazaré

por gdgbasquetebol, Terça-feira, 08.11.16

No domingo, dia 6 de novembro, tive lugar na gafanha da Nazaré a primeira concentração, ou o primeiro encontro, de Minis 10 realizada sob a responsabilidade do GDG Basquetebol.

No Pavilhão Desportivo daGafanha da Nazaré, concentraram-se para este momento especial de festa do minibasquetebol, as equipas Sub10 mistos do GDG/PEIXOVAR, do Beira Mar, do Galitos e do GICA.

Foram muitos os excelentes momentos de iniciação à modalidade vividos pelos atletas presentes e registados pela objectiva da "mãe" Carla Fidalgo (os nossos agradecimentos).

Os nossos jovens guerreiros estiveram em grande.

Concentracao MINIS no GDG - 6-11-2016.jpg

 veja aqui o "filme" (ou parte dele) do registo fotográfico deste especial momento do minibasquetebol do GDG.

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 15:26

Sub 10 mistos em grande festa em Aveiro

por gdgbasquetebol, Terça-feira, 01.03.16

Sub 10 mistos - Aveiro - 28-02-2016.jpg

Os Sub 10 mistos GDG/Peixovar participaram, no passado domingo, em mais um Encontro de minibasquetebol, realizado em Aveiro e promovido pelo Beira-Mar.

Com enorme espírito e empenho desportivo os nossos jovens guerreiros não deixaram os créditos por mãos (e bolas) alheios: são empenhados, com garra, com muita vontade em jogar e em se divertirem.

Rochelle com Sub 10.jpg

É este o retrato que a treinadora Rochelle Roque faz da equipa e de mais uma honrosa participação num Encontro de Minibasquetebol da ABAveiro.

Participámos com uma equipa de primeiro ano do escalão de Sub 10 misto (minibasquetebol) sendo que a maior parte dos atletas começou a jogar basquete apenas este ano.

Ainda há muito para aprender, mas todos demonstraram já saber estar em campo, saberem os princípios básicos do jogo, terem alegria e gosto em jogar e esforçaram-se por pôr em prática o muito que têm aprendido nos treinos. (Rochelle Roque)

 

Neste encontro estiveram presentes, para além dos Sub 10 GDG/Peixovar, as equipas do Beira-Mar (anfitriã), do Sangalhos e dos Atómicos.

(créditos das fotos: Carla Fidalgo, mãe de atleta Sub 10)

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 11:08

Ainda a tempo... Sub 16 masculinos tropeçam no dérbie

por gdgbasquetebol, Sexta-feira, 18.12.15

No sábado passado, dia 12 de dezembro, os Sub 16 masculinos GDG/EPADRV defrontaram em Aveiro o Beira Mar em mais um derbie local, abrindo um fim-de-semana de jornada dupla e o arranque da segunda volta desta fase do distrital.

O resultado final acabou por "sorrir" à equipa de Aveiro por 76-57, apesar da réplica dos jovens do GDG tal como nos descreve o Gil Teotónio.

GIL.jpg«No passado sábado, dia 12 de dezembro, os sub16 defrontaram o Beira-Mar no primeiro jogo da 2ª volta.
No 1º período entrámos mal no jogo e permitimos que apenas um jogador fizesse toda a diferença no ataque da equipa adversária.
No 2º período entrámos determinados e com confiança de que podíamos inverter o resultado e fizemos um período equilibrado (14 -13).
Nos primeiros 10 minutos da 2ª parte reduzimos a desvantagem ao fazer o nosso melhor período do jogo (14 - 20).
No último período, com a equipa adversária a impor obstáculos a nível defensivo, fizemos um mau período.
Na minha opinião, a diferença no marcador (76 - 57) não reflecte o bom jogo que fizemos.»

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 10:36

Sub 13 mistos vencem dérbie marcado pelo equilíbrio

por gdgbasquetebol, Terça-feira, 15.12.15

Os Sub 13 mistos GDG/Peixovar deslocaram-se até Aveiro para defrontarem o Beira Mar, num dérbie vencido por 4-3.

O próprio resultado espelha o equilíbrio registado nos jogos disputados conforme sublinha o coordenador do minibasquete do GDG Basquetebol, Jorge Cunha: "neste domingo de manhã fomos até Aveiro, defrontar o Beira Mar na última jornada, da primeira fase, do torneio de sub13 misto. Foi um jogo equilibrado, mas a vitória sorriu à nossa jovem equipa por 4-3."

GDG/Peixovar: Martim; Gustavo; Tiago; Rodrigo; André G.; Alícia; Maria Tavares; Maria Ventura; António; Estefany. Treinadora: Maria Sousa.

SUB 13 mistos.jpg

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 11:15

Sub 8 festejam o basquetebol em encontro de minis

por gdgbasquetebol, Terça-feira, 01.12.15

O passado domingo de manhã foi espaço de festa do minibasquetebol em mais um encontro de minis, desta vez realizado no Beira Mar (em Aveiro).

Os Sub 8 GDG/Peixovar marcaram presença e, como tem sido marca identitária, fizeram a festa e uma enorme "jogatana".

02 - Sub 8 - gdg x beira mar - 29-11-2015.jpg01 - Sub 8 - gdg x beira mar - 29-11-2015.jpg

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 11:18

Sub 14 masculinos vencem com mérito o dérbie com Beira Mar

por gdgbasquetebol, Quarta-feira, 25.11.15

Vinte e quatro pontos de diferença marcam o resultado final da vitória dos Sub 14 masculinos GDG/Conceito Família na deslocação até Aveiro para o confronto com o Beira Mar (40-64).

Poderia ser o espelho de "vingança" da derrota dos seniores masculinos no dia anterior, também frente ao beira Mar, mas isso não faz parte da identidade do GDG Basquetebol. Aqui jogamos o jogo pelo jogo, não vemos nos adversário "inimigos", apenas nos move a paixão pelo basquetebol. E desta forma, apesar de ser a repetição do dérbie do dia anterior (seniores masculinos), os Sub 14 masculinos GDG/Conceito Família demonstraram as suas capacidades e venceram com o mérito de quem reproduz no jogo o trabalho semanal realizado.

Apesar de algumas "baixas", os jovens guerreiros do GDG Basquetebol souberam ser fortes no novo embate (o segundo esta época) com o Beira Mar, conforme resume o treinador dos Sub 14 masculinos GDG/Conceito Família, Salvador Silva.

«Depois de termos terminado a primeira fase do campeonato em casa do Beira Mar calhou-nos em sorteio começar esta fase de apuramento para a fase final também com o mesmo adversário. Estavamos avisados para a valia do adversário, tinhamos de ser muito fortes ao longo de todo o jogo para conseguir levar de vencida a partida.
Ao contrário do jogo anterior tivemos uma entrada muito forte, quer em termos defensivos, quer em termos ofensivos, o que nos permitiu praticamente sentenciar o jogo neste período.
O segundo período não sendo tão bom ofensivamente, permitiu-nos perceber que sempre que o ataque não corre com esperamos temos de compensar com uma defesa forte que não permita ao adversário marcar pontos e assim manter a vantagem conseguida no primeiro período.
Nos terceiros e quartos períodos fomos capazes de manter a vantagem angariada anteriormente, não fazemos desta vez um jogo tão bom como o anterior mas demonstrando que apesar das baixas que tivemos somos capazes de nos mantermos competitivos.»

Atletas GDG/Conceito Família utilizados: Miguel Lucas, Yosvani Culanda, Hugo Viegas, André Gonçalves, Diogo Secundino, Miguel Fernandes, Rui Pedro, Gonçalo Almeida, Pedro Bola, Eduardo Lopes, Gabriel Rouxinol

GDG 2015-2016 SUB 14 MASCULINOS.jpg

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 14:19

Seniores masculinos derrotados no dérbie com Beira Mar

por gdgbasquetebol, Quarta-feira, 25.11.15

Os Seniores masculinos GDG Basquetebol disputaram, no passado sábado, o dérbie local/regional com o Beira Mar num encontro onde era expectável o regresso às vitórias. Tal não aconteceu tendo os seniores masculinos do GDG sido derrotados por 74-60.

Nas palavras do treinador Salvador Silva, neste jogo, faltou "equilíbrio e discernimento à equipa" após uma excelente entrada no jogo.

«Nesta curta deslocação até ao Pavilhão da Universidade de Aveiro, tínhamos como objectivo regressar às vitórias.
Ao contrário do que vinha sendo hábito tivemos uma entrada em jogo muito forte, conseguindo anular os pontos fortes do adversário através de uma defesa muito pressionante sobre o jogador da bola e no ataque procurámos sempre a melhor solução de lançamento, o que nos fez ter sucesso e ganhar uma larga vantagem ainda no primeiro período de jogo.
A partir do segundo período tudo foi diferente. Menos pressionantes no jogador da bola, mais complicativos no ataque fomos dando ao adversário a sensação que poderia inverter o rumo do resultado. Se ainda conseguimos ficar na frente todo o segundo período chegámos ao intervalo com uma vantagem de apenas três pontos.
Durante toda a segunda parte nunca conseguimos ser uma equipa esclarecida e equilibrada dentro do campo.
Somámos erros atrás de erros ofensivos e com isto deixámos o adversário acreditar que seria possível vencer o jogo. Apesar do resultado estar em aberto até bem perto do final nunca tivemos a calma necessária que nos permitisse vencer o jogo.» (Salvador Silva)

GDG 2015-2016 SENIORES MASCULINOS.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 12:18

Sub 14 masculinos superam derbie frente ao Beira Mar

por gdgbasquetebol, Terça-feira, 10.11.15

Sub 14 masculinos 03.JPGOs Sub 14 masculinos GDG/Conceito Família visitaram e venceram o Beira Mar (82-89) em jogo da última jornada da Fase I do Campeonato Distrital.

Já com o lugar garantido no Grupo Nacional da próxima Fase do Campeonato Distrital, a deslocação dos Sub 14 masculinos GDG/Conceito Família até ao Pavilhão da Escola João Afonso - Aveiro para defrontar o Beira Mar era tudo menos fácil. O Beira Mar, tal como o GDG, ainda não tinha perdido e é um adversário forte, com argumentos físicos superiores aos dos Sub 14 do GDG.

Apesar das dificuldades, da pressão sentida pelos jovens atletas do GDG, pressão essa, infelizmente, muito para além da regras, do razoável, do aceitável, os jovens guerreiros do GDG/Conceito Família, souberam dar a volta por cima, superar todos os obstáculos e garantir mais uma vitória repleta de mérito e sacrifício.

O primeiro objectivo está alcançado: jogar no grupo das melhores equipas. Os dados estão lançados para a próxima etapa, na perspectiva do treinador Salvador Silva: «Primeiro objectivo da época está cumprido, jogar contra as melhores equipas. O próximo passa por estar presente na fase final distrital, para podermos proporcionar aos nosso atletas, mais jogos competitivos, pois só assim os faremos crescer.»

Quanto ao jogo e à vitória conquistada Salvador Silva faz o resumo dos acontecimentos (pelo menos de alguns acontecimentos).

«Depois de três jogos em que o resultado nos tinha sido favorável sempre por larga margem, encontrámos pela frente um adversário que, tal como nó,s ainda não havia perdido. Sabíamos que iria ser um jogo difícil, pois além da valia do adversário, que é claramente superior em termos físicos, estávamos a jogar fora de casa.
Ao contrário do habitual demorámos a entrar no jogo. Estivemos muito desconcentrados defensivamente, permitimos muitos cestos fáceis ao adversário, perdemos muitos ressaltos defensivos por más leitura de posicionamento no mesmo, o que nos começou de certa forma a intranquilizar pois até agora todos os jogos haviam sido bastante desequilibrados a nosso favor. No entanto fomos conseguindo não deixar o adversário fugir no resultado.
O segundo período começa com a vontade dos nossos atletas em mudar o rumo dos acontecimentos, mas muitos cestos fáceis falhados fez com que a vantagem do adversário atingisse o máximo do jogo: 11 pontos.
A partir daqui acordámos para o jogo, subimos a defesa e rapidamente passámos para a frente do marcador, chegando ao intervalo a vencer por 1 ponto.
Durante toda a segunda parte estivemos na frente do marcador, fomos, no entanto, pouco consistentes quando obtivemos por mais do que uma vez 8 pontos de vantagem. Não tivemos a calma suficiente para a preservar e até podermos aumentar e assim termos uma parte final de jogo mais descansada.
Fica no entanto o aviso que na próxima fase vamos encontrar equipas fortes e não podemos relaxar.»

Atletas GDG/Conceito Família: Gonçalo Almeida, Rui Pedro, Diogo Secundino, Miguel Lucas, Carlos Jesus, Yosvani Culanda, Gabriel Rouxinol, Miguel Fernandes, Hugo Viegas, Pedro Bola, Eduardo Lopes

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 14:49

Sub14 masculinos deslizaram em derbie regional

por gdgbasquetebol, Quarta-feira, 04.03.15

SUB 14 masculinos - Conceito Familia

A esperança residia na perspectiva de uma repetição a excelente prestação desportiva tida frente ao Dragon Force, jornada anterior e que resultou na merecida vitória (54-49).

Os Grandes miúdos dos Sub14 masculinos GDG/Conceito Família não foram capazes de repetir o feito, desta vez frente a outro forte adversário e candidato ao título distrital, o Beira Mar, perdendo por 70-47.

A deslocação era curta mas a ansiedade era enorme nos guerreiros e valentes Sub14 masculinos, pois sabiam que iriam defrontar um adversário tão ou mais forte que o anterior. Para além disso, a perfeição é sempre uma meta tão difícil mas possível de alcançar, e não há dois jogos iguais.

A vontade e o querer foram sempre uma imagem desta equipa, que nunca baixou os braços e lutou, com dignidade e brio, até ao fim. Segue-se o Torneio Inter-Associações com a mesma vontade e postura com que encararam o Campeonato Nacional, porque o mais importante é a paixão pelo basquetebol.

«Entrámos apáticos no primeiro período permitindo transições rápidas ao adversário que foram dando alguns cestos fáceis, e no nosso ataque optámos por acções individuais nem sempre coroadas de êxito. Resultado saímos a perder por nove pontos claramente justificados, principalmente por aquilo que não fizemos defensivamente. Alertados os atletas que entrariam no segundo período para os aspectos a melhorar; se ofensivamente fomos mais eficazes, embora pouco colectivos, na defesa voltámos a claudicar, desta vez no ressalto defensivo, essencialmente. Vencemos o período por um ponto, mas continuámos a ser muito passivos nas acções defensivas e complicados no ataque. Entrámos para o terceiro período decididos a alterar o rumo dos acontecimentos. Fomos mais agressivos defensivamente, no entanto os problemas no ataque mantinham-se. Optámos sempre pelo individual em prol do colectivo, mas apesar disto ainda conseguimos chegar aos quatro pontos de diferença. Uma série de más decisões no ataque e uma distracção defensiva fizeram com que terminássemos o período a perder por nove pontos. Se é verdade que nada estava perdido, estava agora bem mais difícil. Com mais uma má entrada ofensiva, estivemos cinco minutos sem marcar qualquer ponto, deitámos por terra as nossas ambições para este jogo. Temos de rever a nossa postura perante as adversidades. Não podemos ser uma equipa quando tudo corre bem e passar as responsabilidades aos colegas do lado quando as coisas não correm como gostaríamos. Independentemente deste resultado já sabíamos o nosso destino, vamos jogar o torneio Inter-Associações. O nosso caminho continua e temos de ser sérios connosco próprios para sermos mais fortes todos os dias.» (treinador Salvador Silva)

Atletas utilizados: Rui Pedro, Diogo Secundino, Miguel Lucas, Eduardo Lopes, João Gil, Ricardo Fernandez, Tomas Carvalho, Rúben Gomes, Yosvani Culanda, Hugo Viegas, Gabriel Rouxinol, Pedro Bola

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 17:21

Sub14 masculinos continuam à procura da primeira vitória no nacional

por gdgbasquetebol, Quarta-feira, 28.01.15

SUB 14 masculinos - Conceito FamiliaÀ terceira jornada do Campeonato Nacional - Zona Norte - Grupo B, os Sub14 masculinos GDG/Conceito Família encontraram os vizinhos do Beira Mar.
Melhorando jogo após jogo, em muitas circunstâncias muito para além do que espelham os resultados, a equipa orientada pelo Salvador Silva ainda não foi capaz de encontrar forma de contornar a maior experiência dos fortes adversários (Guifões e Dragon Force) ou a maior condição física, como foi o caso do Beira Mar.

O terceiro jogo do Campeonato Nacional trouxe a terceira derrota (59-64) mas não trouxe o desânimo, nem a perda de vontade para continuar a lutar por um resultado positivo que, com o mérito, o esforço e a entrega, há-de surgir com toda a naturalidade.
A equipa reconhece as suas limitações, reconhece o esforço e quanto batalhou para poder estar nesta prova onde estão os melhores (para surpresa de muitos), mas os Sub14 masculinos do GDG Basquetebol também reconhecem as suas capacidades e, fundamentalmente, a sua vontade enorme em ganhar e em dignificar o clube e o emblema das suas camisolas.
Nada que o próximo jogo, frente ao Barcelos, não possa já demonstrar.

«Partíamos para este jogo com elevadas expectativas. Sabíamos que seria um jogo equilibrado, que fisicamente o adversário seria superior, aliás como são todos os que nos defrontam. Por isso tínhamos de apelar mais uma vez à nossa mais valia técnica e a um grande espírito de sacrifício e entreajuda de todos. Tivemos uma grande entrada em campo. Durante todo o 1º período dominámos claramente o jogo em todos os aspectos, falhando apenas e só na concretização de alguns ataques que nos poderiam ter dado uma vantagem mais alargada e que seria de todo merecida. Os 9 pontos de diferença pareciam ser curtos para tudo o que tínhamos feito até então. No 2º período tudo foi bem diferente, para pior. Em 40 segundos sofremos 6 pontos o que nos deixou bastante intranquilos. Nunca conseguimos serenar a partir daí e podemos mesmo dizer que o período foi desastroso. Entrámos com uma vantagem de 9 pontos e fomos para o intervalo a perder por 7. Falhámos todos os lances livres que tivemos à disposição, perdemos imensas bolas por querermos adornar os lances com jogadas individuais. Não estivemos em campo e com isto fizemos o adversário não só entrar no jogo, como ficar por cima do resultado. Durante toda a segunda parte andámos atrás do resultado, e não fosse a nossa baixa percentagem de lançamento alheada a alguns lapsos defensivos, principalmente na defesa do 1x1, e alguma desconcentração no ressalto defensivo que nos fez perder algumas bolas que tínhamos na mão, o resultado poderia ter sido diferente. Tivemos contudo o mérito de, apesar das adversidades, nunca baixarmos os braços e lutarmos até ao final pelo melhor resultado. Apesar de ainda não termos vencido nesta fase não vamos desistir. Nunca definimos como objectivo estar nesta fase, sabemos que estamos a jogar contra os melhores e só por isto devemos estar sempre motivados para aprender e sermos cada vez mais competentes em tudo o que fazemos. O caminho faz-se caminhando e no final vamos, com certeza, ser mais fortes tanto individual como colectivamente». (treinador Salvador Silva)
GDG/Conceito Família: Diogo Secundino, Eduardo Lopes, Miguel Lucas, João Gil, Ricardo Fernandez, Rúben Gomes, Tomas Carvalho, Pedro Bola, Hugo Viegas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

às 14:01


SUCESSO - X Torneio Internacional e VI Torneio Carnaval


SlideShow - PATROCINADORES


EQUIPAS 2017/18


TREINADORES 2017-2018

COORDENAÇÃO

Coordenação Geral

Minibasquete

MASCULINO

Seniores

Sub 18

Sub 16

Sub 14

FEMININO

Seniores

Sub 19

Sub 16

Sub 14

INICIAÇÃO - MINIS

Sub 13 - iniciação

Minibasquete